▸ Agenda Cultural ▸ Artigos ▸ Carnaval ▸ Celebridades ▸ Cotidiano ▸ Cultura ▸ Destaques ▸ Economia ▸ Educação ▸ Entretenimento ▸ Esporte ▸ Eventos Sociais ▸ Festival Folclórico de Parintins ▸ Internacional ▸ Justiça ▸ Lazer ▸ Meio Ambiente ▸ Nutrição ▸ Polícia ▸ Política ▸ Religião ▸ Saúde ▸ Tecnologia ▸ TRANSPORTES ▸ Turismo

Flagrantes da Política
Compartilhar Imprimir

16/10/2018 | 08:55 | Por: Portal Flagrante

PREFEITOS dizem não ao governador

 O resultado do primeiro turno das eleições no amazonas mostrou surpresas, traições e o pânico de velhos caciques da política local. Amazonino (PDT), que tinha a quase certeza de uma vitória esmagadora, perdeu para o novato Wilson Lima (PSC). Wanesa Grazziotin (PC do B), perdeu para ela mesma e ainda destruiu a candidatura de David Almeida (PSB), quando conseguiu fazer o PT nacional existir do apoio ao candidato.

PÂNICO DE BRAGA

A cena inesquecível e emblemática do senador Eduardo Braga (PMDB) desesperado e preocupado até passar os votos do deputado Luiz Castro, para a segunda vaga do senado,  foi outro sinal de que o eleitor está esperto e quer mudança.
 
PLÍNIO VALÉRIO ARREBENTA
 
Outro sinal de mudança foi a esmagadora e incontestável vitória do vereador Plinio Valério (PSDB) ao senado com quase 1 milhão de votos. O vereador mostrou que o CPF limpo e o político ficha limpa está em alta.
 
TRAIÇÃO DOS PREFEITOS
 
Quem não se lembra da traição dos prefeitos do interior que numa reunião e Manaus, forçada pelo governador Amazonino Mendes (PDT), fizeram juras de amor e promessas vãs? Mesmo Amazonino tendo prometido um ‘pacotaço’ de obras nos municípios, ar urnas mostraram que ele foi traído inclusive onde mais investiu, em Parintins, onde o rival Wilson Lima teve mais votos.
 
DESESPERO DO GOVERNADOR
 
Bateu o desespero do governador Amazonino Mendes e ele fez nova reunião com mais de 50 prefeitos e em seguida anunciou com ênfase a tal carta de ‘compromisso’ de apoio a sua candidatura. Mal acabou a reunião e já tinha prefeito e assessores dizendo que jamais votariam em Amazonino e o que eles queriam mesmo era a mudança de poder.
 
NINGUÉM CONFIA NO DEODATO
 
Um dos motivos pelo qual os prefeitos devem trair mais uma vez o governador é que diferente do que Amazonino quer, que os prefeitos tenha que se subemeter a um de seus emissários, nesse caso específico o médico Fransisco Deodato, que se afastou da Susam para cuidar da campanha do governador, a maioria dos pefeito deixaram de acreditar tanta na promessa de Amazonino, não confiam em Deodato e querem tratar diretmnte com o governador. 
Leia Também

© Copyright 2016 Portal Flagrante. Todos os direitos reservados.