▸ Agenda Cultural ▸ Artigos ▸ Carnaval ▸ Celebridades ▸ Cotidiano ▸ Cultura ▸ Destaques ▸ Economia ▸ Educação ▸ Entretenimento ▸ Esporte ▸ Eventos Sociais ▸ Festival Folclórico de Parintins ▸ Internacional ▸ Justiça ▸ Lazer ▸ Meio Ambiente ▸ Nutrição ▸ Odontologia ▸ Polícia ▸ Política ▸ Religião ▸ Saúde ▸ Tecnologia ▸ TRANSPORTES ▸ Turismo

Notícias
Compartilhar Imprimir

Esporte | CORRIDA DO FOGO | 02/12/2019 | 09:10 | Por: Portal Flagrante

Corrida do Fogo reúne 3 mil pessoas em sua 24ª edição, na manhã deste domingo (1º/12)

 


Encerrando as comemorações pela emancipação do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), a 24ª edição da Corrida do Fogo reuniu pelo menos 3 mil pessoas na manhã deste domingo (1º/12), no bairro Flores, zona norte de Manaus.
 
A largada ocorreu no pórtico localizado no cruzamento da avenida Governador José Lindoso com a rua Conde de Tocantins, pontualmente às 6h17 para os cadeirantes e 6h20 para os competidores das demais categorias.
 
De acordo com o comandante geral do CBMAM, coronel BM Danízio Valente, o principal objetivo do evento é celebrar junto à sociedade amazonense os trabalhos desenvolvidos pela corporação ao longo do ano de 2019.
 
“A Corrida do Fogo já é um evento esportivo tradicional na agenda dos amazonenses. Essa é uma forma da corporação confraternizar com a comunidade e comemorar todo o trabalho que realizamos neste ano. É uma grande alegria poder ver pessoas das mais diversas idades, sejam crianças como na Corridinha do Fogo, sejam os adultos e idosos mostrando garra e superação em nossa competição”, afirma o comandante.
 
Na categoria 5Km geral feminino, a atleta e professora de Educação Física, Ciranilde Santos Mendes, de 33 anos, conquistou o primeiro lugar no pódio. Ela participa de competições há pelo menos 10 anos.
 
“A Corrida do Fogo é uma corrida tradicional de Manaus, bem organizada e sempre com um bom percurso. Fico muito feliz de mais uma vez conquistar o primeiro lugar na competição. Desde que vim morar em Manaus, há 10 anos, participo das corridas do Corpo de Bombeiros”, disse a vencedora da categoria.
 
Já na categoria 10Km geral masculino, o atleta Juarez Rosa Silva, 31, foi o bicampeão. “Já participei várias vezes da Corrida do Fogo. Já ganhei e já perdi. Quero agradecer ao Corpo de Bombeiros pela iniciativa, organização e escolha do percurso. Foi um belo evento, e espero que seja repetido por muitos anos”, declarou Juarez.
 
Vencedores Na categoria Masculino 10Km, o 1º colocado foi Juarez Rosa Silva, o 2º lugar ficou com Eudi Jesus Piano Ynfante, e o 3º colocado foi Pedro Fontes de Lima. Já na categoria feminina 10Km, o 1º lugar ficou com Marcia Silva Magalhães, o 2º lugar Roselvys De Valle Moreno Rojas, e o 3º lugar foi Thais Porfirio Dias.
 
No circuito de 5Km na categoria masculina, os campeões foram Leandro Silva Costa,  1º colocado; Johander Alberto, 2º colocado; e Willdeberg Claudino dos Santos, 3º colocado da prova.
 
Por fim, na categoria feminina de 5Km, o 1º lugar ficou com Ciranildes Santos da Silva, o 2º lugar com Uhuru Figueira, e 3º lugar com Natalia Moreira e Moreira.
 
Corridinha do Fogo Na tarde do último sábado (30/11) também ocorreu a primeira edição da competição para o público infantojuvenil. A prova foi realizada no mesmo local de corrida para os adultos, com largada às 16h.
 
Mais de 400 crianças participaram da competição. As categorias estavam dividas por idade e distância. Crianças de zero a 4 anos competiram no percurso de 50 metros; de 5 a 10 anos, no percurso de 100 metros; e de 11 a 12 anos, na prova de 200 metros.
 
A competidora mirim Maria Eduarda Praia do Nascimento, 12, que cursa o 6º ano do Ensino Fundamental, revela que participa pela primeira vez de uma corrida. “Fui incentivada por minha mãe a participar da Corridinha. Estou empolgada e feliz por poder experimentar essa nova experiência. Nunca havia participado de corridas antes, apesar de praticar vôlei, handebol e basquete na escola. Espero que essa seja a primeira de muitas corridas de que participarei”, conta a adolescente.  
 
Emancipação No dia 26 de novembro de 1998, o CBMAM deixou de ser uma diretoria da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) e passou a ser uma instituição independente, ganhando a função e status de uma secretaria de Estado, o que permitiu a viabilização de mais recursos e investimentos para o trabalho dos bombeiros militares no atendimento à população.
 
FOTOS: 2º Sargento Denis Wilson/CBMAM

Deixe seu Comentário

Nome:

Email:

Seu email não será publicado
Mensagem:
Leia Também

© Copyright 2016 Portal Flagrante. Todos os direitos reservados.