▸ Agenda Cultural ▸ Artigos ▸ Carnaval ▸ Celebridades ▸ Cotidiano ▸ Cultura ▸ Destaques ▸ Economia ▸ Educação ▸ Entretenimento ▸ Esporte ▸ Eventos Sociais ▸ Festival Folclórico de Parintins ▸ Internacional ▸ Justiça ▸ Lazer ▸ Meio Ambiente ▸ Nutrição ▸ Polícia ▸ Política ▸ Religião ▸ Saúde ▸ Tecnologia ▸ TRANSPORTES ▸ Turismo

Notícias
Compartilhar Imprimir

Entretenimento | TARDE NO MUSEU | 11/01/2019 | 08:35 | Por: Portal Flagrante

Crianças do Lar Janell Doyle participam do projeto ‘Uma Tarde no Museu’

Quinze crianças e jovens do Lar Batista Janell Doyle tiveram uma tarde cultural nesta quinta-feira, 10/1, em um dos principais patrimônios históricos da capital, o Museu da Cidade de Manaus. A visita faz parte do projeto “Uma tarde no Museu”, de iniciativa do Fundo Manaus Solidária para proporcionar a crianças de bairros periféricos, em situação de vulnerabilidade ou atendidas por organizações da sociedade civil sem fins lucrativos, o contato com a formação histórica da cidade e, consequentemente o intercâmbio de informações que favorece o reconhecimento da identidade cultural.

 

O gestor do Museu da Cidade, Leonardo Novelino, ressaltou às crianças que o Museu é deles, cidadãos da cidade, e falou sobre a importância de que todos que residem em Manaus conheçam sua história e sua cultura. “Essa iniciativa é excelente e muito bem-vinda, porque faz com que o Museu da Cidade seja o segundo lar de todos os manauaras e de todos os que escolheram Manaus como sua cidade”, comentou.

 

Para a coordenadora do Serviço Social do Fundo Manaus Solidária, Virna Martiniano, esse projeto é uma das várias ações que o órgão busca fazer pela sociedade em parceria com as organizações sociais. “O Uma Tarde no Museu quer aproximar a população desse espaço que é tão importante para o fortalecimento da nossa história. A intenção da presidente do Fundo Manaus Solidária, a primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro é de que essas visitações sejam contínuas e englobem várias outras instituições de Manaus”, afirmou.

 

Durante todo o passeio, as crianças se diziam muito felizes por estarem fazendo parte de uma iniciativa educativa, interativa e nova. "Eu achei bem chique. Tudo é grande. É a primeira vez que eu estou vindo em um museu, é muito legal aprender várias coisas", disse uma das crianças. "Parece aquele filme 'Uma noite no Museu'!", brincou outra.

 

A psicóloga do Lar Batista Janell Doyle, Nayara Martins, acompanha de perto o dia-a-dia das crianças e adolescentes e afirmou que atividades como essa trazem satisfação, alegria e fazem com que se sintam importantes. “Nossas crianças estão muito felizes em estar visitando o museu. Para eles é uma oportunidade que nunca tiveram. Além disso, o mais importante é que eles estão conhecendo um pouco da própria cultura”, contou ela, que também esteve pela primeira vez no Museu da Cidade.

 

Ao final do passeio, as crianças agradeceram. "Queria agradecer a todo mundo que trouxe a gente pra cá. Eu tenho certeza de que muitos não sabiam qual era a história de Manaus antes de chegar aqui, mas agora a gente sabe. Deu pra ver que Manaus é uma cidade muito grande e muito boa. Obrigada por vocês fazerem parte da nossa história", disse um dos visitantes, emocionado.

 

O Museu da Cidade está aberto de terça-feira a domingo, das 9h às 17h, com última visita se iniciando às 16h20, e está localizado em frente à Praça Dom Pedro II, Centro.

 

*Os nomes das crianças e adolescentes foram subtraídos da matéria por se tratar de pessoas em situação de vulnerabilidade social.

 

Texto: Semcom e Fundo Manaus Solidária

Fotos: Karla Vieira / Fundo Manaus Solidária

 

Deixe seu Comentário

Nome:

Email:

Seu email não será publicado
Mensagem:
Leia Também

© Copyright 2016 Portal Flagrante. Todos os direitos reservados.