Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

ELEIÇÕES 2020

Coronel Menezes defende quebra de monopólio do Gás Natural

Coronel Alfredo Menezes, títular SUFRAMA Superintendencia da Zona Franca de Manaus - Foto Márcio Melo
Coronel Alfredo Menezes, títular SUFRAMA Superintendencia da Zona Franca de Manaus – Foto Márcio Melo

O pré-candidato à Prefeitura de Manaus pelo partido Patriota, Coronel Alfredo Menezes, defendeu a quebra do monopólio do gás natural, no estado do Amazonas, usando sua rede social, na tarde desta segunda-feira, 27.07.2020.
Para o coronel, é necessário haver essa quebra para deixar o mercado aberto, dinâmico e competitivo para estimular a concorrência, trazer novas empresas para investirem no setor e beneficiar, de fato, à população.
“Enquanto superintendente da Suframa, sempre tive posições firmes e transparentes, e hoje como cidadão quero dizer que sou amplamente favorável a quebra do monopólio do gás natural do estado do Amazonas. É incontestável que com a quebra do monopólio do gás, a médio prazo, iremos ter uma queda no preço deste importante energético, beneficiando diretamente os consumidores, o comércio e as empresas instaladas do PIM (Polo Industrial de Manaus). Vamos mudar a chave do passado e olhar para o futuro”, exclamou o coronel.
Atualmente, a única empresa habilitada a comercializar o gás é a Companhia de Gás do Amazonas (Cigás) .

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Manaus:

Facebook

Você pode gostar!

Notícias

Um avião particular caiu na manhã deste domingo, em Palmas, em Tocantins, matando jogadores do time do Palmas, que iria jogar na próxima segunda-feira,...

Destaque

Com o aumento no número de casos do novo coronavírus em todo o Amazonas e o cenário de falta de leitos na capital, é...

Polícia

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra uma cena inusitada e chocante. Supostos integrantes de uma determinada facção criminosa ligada ao narcotráfico, picha...

Destaque

O prefeito David Almeida (Avante) anunciou durante coletiva na tarde desta quinta-feira (21) que tornará sem efeito o decreto que nomeou três ex-vereadores para...