Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

Notícias

AMEAÇAS GRAVADAS Presidente da TV Encontro das Águas pratica assédio moral e afirma que pode ‘não assinar’ folha de pagamento de funcionários

O diretor presidente da TV Encontro das Águas, Oswaldo Lopes, continua a ameaçar funcionários e impor de forma arrogante, a sua maneira de administrar a emissora de comunicação do Governo do Amazonas. Agora, irado com as denúncias que foram a público, o destemperado diretor ameaça, mesmo em casa, onde se trata de Covid-19, não assinar a folha de pagamento deste mês e prejudicar os funcionários.
As denúncias contra o diretor já foram encaminhadas ao Sindicato dos Jornalistas e ao Ministério Público do Estado, segundo funcionários. O governador Wilson Lima já teria conhecimento das denúncias e deve se posicionar a qualquer momento sobre as graves denúncias contra Lopes.
Não é de hoje que os funcionários da TV Encontro das Águas (antiga TV Cultura) vêm enfrentando desconforto, constrangimento, desrespeito e medo com o comportamento destemperado e, muitas vezes, agressivo que o atual diretor-presidente da emissora estatal, Oswaldo Lopes, dispensa aos colaboradores da empresa.
Logo no primeiro dia, em que se apresentou como novo gestor da emissora, Oswaldo Lopes, segundo as denúncias dos funcionários, constrangeu um funcionário usando gravações de WhatsApp para começar a mostrar seu poder opressor, em uma reunião aberta a todos os colaboradores.

Em outra oportunidade, ainda segundo as denúncias, também em uma reunião aberta, o presidente acusou um funcionário de ter falado contra a sua honestidade. Sem revelar o nome do colaborador, mas deixando bem claro de quem se tratava, o presidente chamou o colaborador de canalha e disse que seria capaz de “ir para a porrada com ele”. “Isso aumenta a minha diabetes, um filho da p… desse mexer com a minha integridade”, falou em reunião.

“O funcionário teve que fazer um boletim de ocorrência para tentar frear as reações e ameaças exageradas do gestor”, revelam as denúncias.

Um outro coolaborador que foi diretamente prejudicado por Lopes, precisou pedir sua disposição para outro órgão a fim de evitar embates e aborrecimentos com o gestor.

“Toda matéria em que ele não aparecesse, ele me chamava na sala dele e perguntava se eu tinha alguma coisa contra ele. Às vezes, ficávamos até tarde editando material só pra ele aparecer. Se tivesse ele e o governador, ele tinha que estar no vídeo dando seu depoimento. Às vezes, dava a impressão de que ele queria aparecer mais nas matérias do que o próprio governador”, disse o ex-colaborador.

Disputa por atenção

Por diversas vezes, Lopes chegou a considerar e dizer que a TV pública é dele. E constantemente atribui somente a si o trabalho de revitalização da emissora, esquecendo-se do esforço dos profissionais que ali estão e continuam trabalhando em todas as atividades desenvolvidas pela TV e pela rádio.

O gestor também tem o costume de perseguir funcionários.
Lopes não aceita que outros colaboradores tenham contato com a cúpula do governo. Desde que assumiu na TV, o gestor disputa a atenção, impõe sua presença e não aceita a amizade que outros membros da emissora possam manter com os governantes. Uma das funcionárias foi perseguida por Oswaldo Lopes desde o início da gestão e foi afastada durante a pandemia. Há casos também de ex-apresentadores e ex-repórteres da emissora que foram perseguidos e exonerados pelo gestor apenas porque Oswaldo Lopes não gostava da pessoa.

Processos

Os funcionários que se viram prejudicados pelo modo de tratamento dispensado por Oswaldo Lopes dentro da emissora, com profissionais que tem mais de 30 anos de trabalho, ingressaram com ações do Ministério Público do Estado e entidades sindicais para denunciar os desmandos e arbitrariedades cometidos pelo diretor-presidente.

Em um dos casos, um funcionário que faz parte do grupo de risco para covid foi prejudicado com desconto de dias em seu salário, mesmo durante o período em que a emissora adotou o sistema de home office.

Em outra situação, também por conta da exigência de Lopes em ter funcionários trabalhando presencialmente na emissora, colocando em risco a saúde de pais e mães de família, uma funcionária foi destratada, humilhada e teve seu nome citado com agressividade, em um grupo de trabalho da emissora, em uma postagem de voz do próprio presidente, justamente porque a mesma deu sua opinião sobre retorno ao trabalho presencial.

A reportagem tentou contato com a funcionária vítima das agressões verbais de Oswaldo Lopes, mas a colaboradora preferiu não dar entrevista, pois encontra-se em quarentena com suspeita de covid.

A reportagem apurou que a mesma chegou a trabalhar presencialmente na primeira semana do ano, nas dependências da emissora, em companhia do diretor-presidente, sem saber que Oswaldo Lopes estava com covid.

Maquiagem na sanitização

Não é verdadeira a informação divulgada pela direção de que a emissora passou por vários processos de sanitização durante a segunda onda da pandemia de covid-19.

Apenas após a morte do funcionário Jânio Cruz, ocorrida no dia 8 de janeiro e de apelos dos próprios funcionários, que a direção da emissora se preocupou em realizar a sanitização da sede da TV.
De junho até o mês de dezembro do ano passado, os funcionários obedeciam o sistema de trabalho presencial, com cobertura jornalísticas e gravações e transmissões realizadas ao vivo da própria emissora. E durante esse período não foi realizada nenhuma sanitização. No início de janeiro as condições de higiene da emissora se agravaram. E os casos de covid na emissora se proliferaram.

Atualmente, a TV Pública do Amazonas contabiliza a morte de Jânio Cruz (que chegou a trabalhar na emissora durante o mês de dezembro) e, por conseguinte, as mortes de sua mãe e esposa; e, a internação grave do cantor Zezinho Corrêa, que apresenta um programa na televisão Encontro das Águas, e dos funcionários Antônio Toga e Marlucia dos Santos Oliveira.

Ouça o áudio

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Manaus:

Facebook

criação de sites JOta Conecta

Você pode gostar!

Notícias

MANAUS – O corpo de Bombeiros atende nesse momento uma ocorrência de uma explosão ocorrida agora pouco que demoliu parte de um apartamento no...

Notícias

Manaus (AM) – O Instituto Médico Legal (IML) removeu na manhã desta quarta-feira (24) o corpo de um homem não identificado que morreu quando...

Notícias

Um dos momentos mais emocionantes da fase atual da pandemia em Parintins envolve uma história de amor de muitas décadas. Seu Francisco das Chagas,...

Notícias

O governador Wilson Lima, pretende anunciar a manutenção das medidas do último decreto e autorizando o funcionamento das academias, mas tendo os cuidados necessários...