Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

Amazonas

Prefeito de Codajás tem sigilo bancário e fiscal quebrado pela justiça do município por corrupção eleitoral

O juiz do município de Codajás, Geidson de Souza Lima, decretou a quebra de sigilo bancário e fiscal do prefeito de Codajás, Antônio Ferreira dos Santos e do seu vice, Cleucivan Gonçalves Reis e do funcionário público Jozenilson Lopes Pontes.

Os três estão sendo investigados por crime eleitoral ocorrido antes da campanha eleitoral do ano de 2020, quando foram encontradas na casa de Antônio Ferreira, 200 cestas básicas que seriam distribuídas a eleitores.

De acordo com Geidson, não há dúvidas de que existem indícios suficientes de corrupção eleitoral e abuso de poder econômico por parte do trio.

O mandado de quebra de sigilo foi encaminhado ao Banco Central do Brasil e à Receita Federal, a quem o juiz solicitou informações sobre os três investigados, dentro de 15 dias.

As cestas básicas teriam sido compradas com recursos de emendas do orçamento estadual, que seriam destinados à colônia de pescadores de Codajás e, atendendo ao pedido do Ministério Público, o magistrado também está pedindo informações ao Governo do Estado e à Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) “para que apresentem, no prazo de 15 dias, todas as informações sobre as emendas parlamentares e demais verbas públicas destinadas a Colônia de Pescadores de Codajás”.

O caso começou a ser investigado em novembro do ano passado quando, no dia 4, o juiz Geildson Lima flagrou as 200 cestas básicas em um imóvel de propriedade de Jozenilson Lopes. Ao longo das investigações, foi identificado que Lopes escondia as cestas básicas que estavam sendo utilizadas na compra de votos em proveito dos candidatos Antônio e Cleucivan. “Assim, resta claro que existem indícios suficientes de corrupção eleitoral”, disse o juiz.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Advertisement

Você pode gostar!

Notícias

MANAUS – Relação extraconjugal e o desvio de R$ 200 mil são os motivos apontados pela Polícia como motivação para a execução do militar...

Brasil

Em vídeo enviado pelo morador que não teve o nome revelado, porém percorreu pela ‘ Baixada do Ambrósio, localizada no Porto de Santana, rua...

Notícias

O Departamento Integrado de Operações Aéreas (DIOA), da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), fez um resgate aeromédico no município de Presidente Figueiredo...

Destaque

MANAUS – O empresário Joabson Agostinho Gomes e a esposa dele, Jordana Azevedo Freire são apontados pela Polícia como os mandantes da execução do...