Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

Política

EDUCAÇÃO POLÍTICA – ‘Qualquer ameaça à democracia é inimiga nossa’, diz Arthur Virgílio em debate com vereador Amom Mandel

A “Democracia em crise no Brasil” foi novamente tema do encontro realizado na noite desta quinta-feira (15.4) entre o ex-senador pelo Amazonas, Arthur Virgílio Neto (PSDB), que coordena o Núcleo de Política e Renovação do Centro Preparatório Jurídico (CPJUR), e o jovem vereador Amom Mandel (PODE), facilitador convidado. “Queremos atacar inimigos reais, como a Covid-19, a pobreza e qualquer ameaça à democracia é inimiga nossa”, justificou Virgílio sobre outros encontros que serão promovidos.

O evento foi transmitido, simultaneamente, pelos perfis do Instagram de Arthur Virgílio e Amom Mandel e pelo canal no Youtube do CPJUR, contando com a mediação do diretor administrativo do Grupo Fametro, Wellington Junior. Em quase 1h30 de debate, foram destacados pontos históricos e atualidades, no Brasil e no mundo, do regime político em que o povo exerce a soberania, conforme conceito levado pelo vereador Amom. “Uma democracia real traz condições para que cada pessoa exerça sua cidadania e a tecnologia tem um grande papel nesse sentido, ajudando a aperfeiçoar as instituições”, afirmou.

Com mais de 40 anos de vida pública, e enfrentando o regime ditatorial, Arthur disse que considera a democracia brasileira ainda em formação e, em complemento à fala de Amom, afirmou que fazer as instituições funcionarem a favor do povo é a característica mais forte dela. “Não esqueçamos que foi a democracia que ajudou o nosso país a se levantar e sair de uma ditadura feroz. O Brasil precisa preservar e fortalecer sua jovem, mas eficaz democracia, distanciando-se de quaisquer práticas ditatoriais. Por isso, é preciso se garantir o direito das pessoas”, alertou o ex-senador.

Arthur também relembrou de como seu pai, o também ex-senador Arthur Virgílio Filho, lutou em favor da democracia. “O dia 31 de março é muito triste para mim, porque meu pai morreu duas vezes nesse dia. Uma pelo golpe militar que veio a cassar o seu mandato de senador, sendo banido da política, e outra pela sua partida em 1987. Mas, enquanto esteve exercendo seu mandato, lutou como pôde e tinha um futuro enorme, poderia ter sido – poucos sabem – candidato à vice-presidente na chapa com Juscelino Kubitschek, se houvesse eleições em 1965. Ele sempre se marcou como um grande democrata, essa é a definição que dou se alguém me perguntar”, recordou.

Para Amom, estreante em debates fora do eixo legislativo, é preciso estimular e garantir que as pessoas tenham mais acesso a tecnologias para que possam participar mais das decisões dos governos. “Uma das principais formas de defender nossa democracia é reforçando a participação efetiva da população nas decisões da administração pública. Acredito que essa participação deveria ser estimulada por meio da tecnologia, através da melhoria dos portais da transparência, através do uso efetivo das redes sociais e formas afins. É, justamente, por isso que utilizo as redes sociais como plataforma de transparência, assim trago uma legitimidade maior ao meu mandato”, declarou.

Além dos temas colocados pelos convidados e pelo mediador do debate, quem prestigiou a transmissão pôde participar mandando perguntas e comentários, que ajudaram a enriquecer a discussão que foi transmitida a partir de Manaus. “É como diz o maior orador que a Inglaterra já teve, Winston Churchill, ‘a democracia é um sistema político cheio de defeitos, mas, ainda assim, o melhor’. Então, precisamos defendê-la e debates como esse vão cristalizando nas pessoas a ideia de que temos alguns patrimônios a defender como a própria democracia e a nossa biodiversidade, a floresta em pé”, avaliou Virgílio Neto.

Educação Política e Renovação

Com experiências como deputado federal, senador, líder do governo e ministro-chefe da Secretária-geral da Presidência da República no governo Fernando Henrique Cardoso, líder da oposição no Senado e três vezes prefeito da capital da Amazônia – Manaus, região Norte do país, com a formação acadêmica em Ciências Jurídicas e Sociais, além de diplomata de carreira com nível de Mestrado e fluência em inglês, francês e espanhol, Arthur Virgílio Neto foi o escolhido pelo CPJUR para coordenar a área acadêmica dos cursos de Capacitação Continuada para Servidores Públicos e Equiparados, bem como de Educação Política e Social do Núcleo de Educação Política e Renovação (NEPR), que tem sido palco de debates que contribuem para a efetividade das ações de promoção da ética, sobretudo na administração pública. Mais informações sobre como participar dos eventos, acesse o site www.cpjur.com.br.

Arthur, que já declarou que concorrerá às prévias de seu partido – o da Social Democracia Brasileira (PSDB) –, também alertou que mais que debater soluções para os desafios do país, é preciso que as pessoas conheçam mais a política e que essa é a intenção dos encontros promovidos pelo Núcleo de Educação Política e Renovação, debater temas urgentes e atuais. “Embora esse projeto esteja começando, já há quem preste atenção nele de fora de Manaus, inclusive. Acredito que temas como a democracia, prosperidade econômica, prestígio à ciência e outros importantes precisam ser massificados”, observou Virgílio.

Fotos – https://we.tl/t-bRETcikoPo (Divulgação / Assessoria AVN)
Áudios – Anexados (Divulgação / Assessoria AVN)
Link da transmissão – https://youtu.be/bc7J6PZ5wvE

Assessoria AVN:
Kellen Lopes – (92) 98142-3005
Alita Falcão – (92) 99152-0446
Rômulo Araújo – (92) 99175-2557

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Manaus:

Facebook

Você pode gostar!

Trânsito

No Dia das Mães comemorado neste domingo (09), Raissa Souza Vinhote, de 19 anos, e Christian Harley Brito de Oliveira, 20 anos perderam suas...

Trânsito

Na manhã desta terça-feira (11), uma mulher grávida que ainda, não teve a identidade revelada, morreu quando pilotava uma motocicleta, no bairro Manoa, na...

Polícia

Na manhã desta segunda-feira (10), a Polícia Federal (PF), cumpriu quatro mandados de prisão e cinco de busca e apreensão, contra homens envolvidos com...

Mundo

Os destroços do foguete chinês Long March 5B caíram no Oceano Índico, a oeste das Maldivas, segundo a mídia estatal chinesa. Não houve danos...