Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

Lúcio Carril

BOLSONARO E O SEU PROGRAMA “FOME TODO DIA”

Fiquei escandalizado na semana passada quando vi o preço de um frango no supermercado aqui próximo de casa: 38 reais. Tinha um menor, mas era 35 reais.

Uma senhora, com a filha, apontava, atônita, para um produto que custava há pouco tempo 4 reais e estava 7 reais.
Mostrei pra elas o feijão jalo: 14 reais.
Nos olhamos e não vou esquecer o semblante de desalento delas.

E nós que somos donas e donos-de-casa sabemos do preço das coisas, principalmente, dos alimentos.
Não adianta vir falar que a culpa é do PT porque nossa barriga tem memória, sim. Nossos olhos têm memória, nosso bolso tem memória.

É no governo genocida de Bolsonaro que o preço de tudo disparou, acompanhando os abusivos aumentos dos combustíveis.

Tudo isso porque o chefe da milícia resolveu que os acionistas da Petrobras devem ter bilhões de reais de lucro, mesmo que seja às custas da fome do povo.

Infelizmente, tenho que vos falar: o custo de vida vai continuar aumentando, o desemprego vai continuar subindo e a gasolina logo chegará a 10 reais o litro.

Vai continuar em alta porque se tratam de parte da economia que se movimenta por decisão de governo; e Bolsonaro já se decidiu por favorecer poucos com sua política.

Dias piores virão.

Lúcio Carril
Sociólogo

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Advertisement

Você pode gostar!

Notícias

Um vídeo que circula pelas redes sociais, mostra o momento em um suposto assaltante é espancado dentro de uma canoa e logo após é...

Notícias

Manaus/AM – Um detento do regime semiaberto, suspeito de assalto, foi linchado na noite desta segunda-feira (11), na rua São Nicolau do bairro Colônia...

Celebridades

Isabela Brito Guerra foi acusada de se aproveitar da amizade que tinha com o casal para aplicar golpe.

Brasil

Dados são da Pesquisa Industrial Mensal divulgada pelo IBGE Apresentando sinais de recuperação de impactos da pandemia de Covid-19 na economia, o Amazonas se...