Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

Saúde

Manaus terá 39 pontos de vacinação contra a Covid-19 de segunda a sexta-feira

A campanha de vacinação contra a Covid-19, coordenada pela Prefeitura de Manaus, terá 39 pontos de atendimento de segunda-feira, 25/10, a sexta-feira, 29. Serão cinco pontos estratégicos e 34 unidades da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), entre policlínicas, clínicas da família e Unidades Básicas de Saúde (UBSs). O horário de atendimento será das 9h às 16h. A lista com os endereços está disponível no site da Semsa, pelo link http://bit.ly/localvacinacovid19 e nos perfis oficiais nas redes sociais @semsamanaus, no Instagram, e Semsa Manaus, no Facebook.

Todos os locais estarão oferecendo primeira e segunda doses e a dose de reforço dos imunizantes CoronaVac, AstraZeneca e Pfizer. Podem receber a primeira dose pessoas da população geral a partir de 12 anos. A segunda dose está disponível para todas as pessoas que estejam nos intervalos indicados pelos laboratórios fabricantes. A terceira dose é para os idosos de 60 anos e mais e para os trabalhadores da Saúde, que tenham concluído o esquema vacinal há seis meses ou mais. As pessoas com alto grau de imunossupressão podem receber a dose adicional caso tenham tomado a segunda dose há pelo menos 28 dias.

Documentos

Para tomar a primeira dose, os adolescentes de 12 a 17 anos precisam estar acompanhados pelo pai, mãe, ou uma pessoa maior de 18 anos, que deverá assinar uma declaração de responsabilidade no verso da cópia do comprovante de residência. Também será necessário apresentar um documento de identidade ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão Nacional do SUS (CNS). Quem tiver 18 anos ou mais, precisa levar um documento de identidade original, com foto, CPF e o comprovante de residência, com cópia.

No caso da segunda dose, basta apresentar o documento de identificação, o CPF e a carteira de vacinação com o registro da primeira dose. Quem tiver perdido a carteirinha, pode comprovar pelo aplicativo ConecteSus, que pode ser instalado no celular.

Para a dose de reforço, no caso das pessoas de 60 anos e mais, é necessário apresentar o documento de identidade, CPF e a carteira de vacinação, com o registro das duas doses. Trabalhadores da saúde devem apresentar, além desses documentos, um comprovante de vínculo com o local onde trabalha. Os imunossuprimidos devem consultar nos cards nas redes sociais da Semsa o tipo de comprovação da condição de saúde que pode ser apresentado.

Quem quiser pode verificar no “Filômetro”, o movimento em cada um dos pontos de vacinação. A consulta pode ser feita no link bit.ly/filometrovacina.

Texto – Sandra Monteiro / Semsa

Fotos – Marinho Ramos / Arquivo Semcom

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Advertisement

Você pode gostar!

Polícia

O cabelereiro Dayene João de Araújo Barbosa, 38 anos, foi morto a tiros na noite deste domingo (21), na Rua Santa Helena, bairro Zumbi,...

Brasil

Segundo a Comissão de Direitos Humanos da OAB-RJ, agentes teriam depredado o local e feito pichações com referências à milícia.

Economia

As autoridades alfandegárias da China disseram nesta terça-feira (23) que aceitarão pedidos de importação de carne bovina brasileira que tenha recebido certificado sanitário antes...

Tabatinga

Ao todo, o atual Governo destinou, entre obras concluídas e em execução, R$ 36,7 milhões para infraestrutura do município.