Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

Notícias

TCE-AM comemora 71 anos com revitalização da 2ª sede para abrigar “Casa TCE”

Comemorar o presente, resgatar o passado e assegurar o futuro. Em celebração aos 71 anos de criação, o Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) lançou, no fim da tarde desta quinta-feira (14), o “Projeto Casa TCE-AM – Século 22”, que irá restaurar a 2ª sede da história da Corte de Contas, localizada no tradicional Complexo Boothline, no Centro de Manaus.

“Se hoje o Tribunal de Contas do Amazonas é respeitado pelo trabalho desenvolvido para preservar o bom uso do dinheiro público, tudo se deve ao seu início. Essa restauração representa um marco no resgate da história do Tribunal. Quis o destino que eu estivesse como presidente neste importante momento. Que venham mais 71 anos de bom trabalho da nossa Corte de Contas”, disse o presidente do TCE, conselheiro Mario de Mello.

O evento foi transmitido ao vivo pelas redes sociais da Corte de Contas e está disponível para acesso no canal do Youtube do TCE-AM. 

A restauração do complexo acontece após assinatura de parceria público-privada envolvendo a Prefeitura de Manaus,
o Grupo UAI/Fundação Doimo e o TCE-AM. Após a conclusão das obras de recuperação, a partir de 2022, o local funcionará como um museu virtual para eternizar os métodos e práticas aplicadas pelos técnicos da Corte de Contas amazonense.

Além dos conselheiros do TCE-AM, a solenidade de lançamento do projeto contou com a participação do prefeito de Manaus, David Almeida; do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), João Augusto Ribeiro Nardes; do presidente do Instituto Ruy Barbosa (IRB), conselheiro Ivan Lelis Bonilla, além de secretários estaduais e municipais e demais autoridades locais.

O projeto “Casa TCE”

Segundo o chefe do Departamento de Pesquisa e Memória do TCE-AM, Josétito Lindoso, o trabalho de recuperação e preservação da história da Corte de Contas, que vem sendo feito há alguns anos, chega a mais um momento especial.

“O processo de resgate da história do Tribunal de Contas do Amazonas é algo que precisa ser permanente. Apesar de termos conseguido recuperar documentos, objetos, cartas e objetos que compõem a história do Tribunal, precisamos fazer com que o que temos e fazemos hoje seja também eternizado. O Projeto Casa TCE-AM serve justamente para garantir que a história da Corte de Contas seja preservada por um longo tempo”, explicou o Josetito Lindoso.

Além das grandes reformas estruturais para tornar o prédio visualmente turístico, a ideia do projeto de revitalização é de reativar o funcionamento do prédio para trabalhos da Corte de Contas.
Inicialmente, o prédio deverá servir como uma base de estudos do Tribunal, contribuindo com pesquisas direcionadas às atividades exercidas pela Corte de Contas.

As próximas fases de planejamento irão englobar os projetos de ocupação e arquitetônicos, para melhor definir as estruturas que serão revitalizadas e as expansões a serem feitas para atender à sociedade e, ao mesmo tempo, preservar a história do Centro e da Corte de Contas.

Presente no evento, o prefeito de Manaus, David Almeida, destacou a importância do resgate cultural do local, aliado ao fomento ao empreendedorismo.

“Não estaremos só restaurando um prédio histórico, trata-se de uma grande reforma em todo o complexo. Aqui, em poucos meses, teremos de volta um pouco do que um dia foi, um local rico em pessoas, em produtos e em diversidade de pequenos empreendimentos. A prefeitura de Manaus tem orgulho de participar dessa empreitada com o Tribunal de Contas do Amazonas”, disse o prefeito.

A fala de David Almeida foi acompanhada pelo ministro do TCU, João Ribeiro Nardes, que comentou sobre o exemplo que a Corte de Contas amazonense dá a todos os órgãos públicos.

“Esse é um projeto importante que evidência a forma ativa que o Tribunal de Contas do Amazonas age junto à sociedade amazonense. Sem dúvidas, o resultado será excelente e a sociedade amazonense é quem terá os melhores frutos desse projeto”, disse.

Além do Projeto Casa TCE-AM, o Tribunal de Contas do Amazonas também conta com o Museu, localizado na sede da Corte de Contas, na avenida Efigênio Sales, bairro Parque Dez. O local conta com réplicas fiéis do primeiro plenário da Corte de Contas, além de objetos, fotos e documentos que retratam a história do Tribunal.

A programação de aniversário do TCE-AM finaliza nesta sexta-feira (15), no auditório do TCE, com a entrega do “Colar do Mérito de Contas” a pessoas que contribuíram e se destacaram por serviços relevantes prestados à sociedade amazonense.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Advertisement

Você pode gostar!

Autazes

Após a chegada de inúmeras dragas de garimpeiros no Rio Madeira, próximo a Comunidade Rosarinho, entre os municípios de Autazes e Nova Olinda do...

Brasil

A polícia informou ainda que oito armas pertencentes aos oito agentes envolvidos no caso foram enviadas à Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo...

Educação

Atividade acontece durante toda a semana e debate pautas ligadas à educação indígena.

Educação

Mais de 27 mil bolsas, para sete idiomas diferentes, são oferecidas nesta edição do programa. As inscrições para o programa Bolsa Idiomas, em Manaus,...