Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

Notícias

Ação social alcança pessoas e animais em situação de rua em Manaus

A comunidade de investidores digitais Vira Lata Finance e a organização sem fins lucrativos Moradores de Rua e Seus Cães (MRSC) se uniram para realizar, neste sábado (23) e domingo (24), em Manaus, uma ação social cujo alcance não se restringe apenas a pessoas em situação de vulnerabilidade, mas também a animais que vivem na rua ou em comunidades da periferia da capital.

Com apoio de empresas do mercado pet e grupos de ação social, e contando com a atuação de cerca de 15 voluntários e profissionais da área veterinária, a parceria intitulada “Hora da Ação” irá realizar a distribuição de centenas de refeições e kits de higiene pessoal masculina e feminina, além de realizar atendimentos em cães e gatos em quatro pontos da cidade, do centro à zona ribeirinha.

No sábado, a ação acontecerá a partir das 14h30, na comunidade indígena Parque das Tribos, no Tarumã, Zona Oeste da capital, e, a partir das 17h30, no Centro da cidade. Já no domingo, será a vez de participarem da ação as comunidades de Nossa Senhora do Livramento, a partir das 8h30, e Diúna, a partir das 9h. Ambas estão localizadas na margem direita do rio Tarumã, zona ribeirinha da cidade.

Pobreza menstrual

A iniciativa será focada na distribuição de lanches e atendimento veterinário, mas também deve lançar luz sobre um tema de saúde pública que vem sendo amplamente discutido no país: “pobreza menstrual”, isto é, a precariedade no acesso à higiene menstrual de mulheres e adolescentes.

“Teremos uma equipe para distribuição dos lanches e kits de higiene, e outra para o atendimento veterinário”, explica João Cascaes, diretor de ações sociais da Vira Lata Finance, comunidade brasileira entusiasta das finanças descentralizadas (ver intertítulo) com forte atuação social. A ação calcula impactar cerca de mil pessoas e até 200 animais, no total.

Sobre a Vira Lata e Finanças Descentralizadas

A Vira Lata Finance é uma comunidade de desenvolvedores, investidores e entusiastas do mercado de finanças descentralizadas, termo que se refere aos sistemas de aplicações financeiras que utilizam a tecnologia blockchain e visam criar serviços financeiros digitais sem intermediários centralizados (como bancos e instituições financeiras). Criado há 8 meses, o grupo é autor de dois projetos brasileiros de finanças descentralizadas, ou DeFi, as criptomoedas Reau e Auro.

Atuando em parceria com instituições de proteção dos animais e atores econômicos do mercado de pets, a comunidade já fomentou mais de 450 mil reais em financiamentos de obras sociais voltadas às redes de proteção animal no Brasil. Em maio deste ano, o abrigo da protetora Tânia Musa, em Manaus, recebeu do mesmo grupo a doação de 18 mil reais.

Sobre a Moradores de Rua e Seus Cães

Iniciativa do fotógrafo Edu Leporo, a Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) Moradores de Rua e Seus Cães (MRSC) iniciou como um projeto fotográfico na cidade de São Paulo. Mais tarde, virou livro e, desde 2015, se transformou em uma ação social voltada para atender demandas de higiene e alimentação de pessoas e animais em situação de rua.

Serviço
O quê: “Hora da Ação” – ação social de distribuição de alimentos, kits de higiene pessoal e atendimentos veterinários a animais de rua
Hora: No sábado, das 14h às 19h, no Parque das Tribos e depois no Centro / No domingo, nas comunidades do Livramento e Diúna, no Tarumã
Quem promove: Moradores de Rua e Seus Cães e Vira Lata Finance, com apoio do Grupo Solidariedade e de empresas do mercado pet
Mais informações: Assessoria de imprensa (Felipe – 98129-7281)
Entrevistas: Diretor de ações sociais, João Cascaes, e idealizador do MRSC, Edu Leporo, estão disponíveis para entrevista (João já está em Manaus)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Advertisement

Você pode gostar!

Autazes

Após a chegada de inúmeras dragas de garimpeiros no Rio Madeira, próximo a Comunidade Rosarinho, entre os municípios de Autazes e Nova Olinda do...

Brasil

A polícia informou ainda que oito armas pertencentes aos oito agentes envolvidos no caso foram enviadas à Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo...

Educação

Atividade acontece durante toda a semana e debate pautas ligadas à educação indígena.

Educação

Mais de 27 mil bolsas, para sete idiomas diferentes, são oferecidas nesta edição do programa. As inscrições para o programa Bolsa Idiomas, em Manaus,...