Conecte-se Conosco

Olá, o que procuras?

Mundo

Professor é julgado por matar e comer corpo de homem que conheceu em aplicativo na Alemanha

Justiça do país europeu começa a analisar caso de canibalismo nesta terça-feira, 10, mas processo só deve ser encerrado no mês de outubro.

A Justiça da Alemanha inicia nesta terça-feira, 10, o julgamento de um professor de 41 anos acusado de matar um homem de 43 para cometer canibalismo contra ele em Berlim. O suspeito, identificado apenas como “Stefan R.” pelas autoridades, teria conhecido a vítima, um mecânico, por meio de um aplicativo de relacionamentos em setembro de 2019 e cometido o assassinato. Colegas de casa da vítima acionaram a polícia depois do desaparecimento dele e buscas foram feitas por semanas até que uma ossada parcial do mecânico foi encontrada com ajuda de um cão farejador. Após ser ligado ao crime por investigações, o suspeito assumiu que matou e esquartejou o corpo do rapaz, espalhando partes do corpo dele pela cidade. A Justiça ainda não conseguiu comprovar, porém, o caso de canibalismo, o que é considerado como uma suspeita porque algumas partes do cadáver do mecânico nunca foram achadas.

Apesar da atipicidade do caso, essa não é a primeira vez que a Justiça da Alemanha analisa um crime do tipo. Em 2006, um homem identificado como “Armin Meiwes” foi condenado à prisão perpétua por assassinato e perturbação do sossego após assassinar e comer partes do corpo de um homem que ele conheceu pela internet. Em 2015, um policial alemão também foi condenado por assassinar outro homem que ele tinha conhecido em um fórum voltado para “canibais”. Na ocasião, a defesa do homem alegou que a vítima tinha “fantasias” em ser vítima de canibalismo, o que nunca foi comprovado. A expectativa é de que o julgamento iniciado nesta terça tenha um veredito apenas no meio de outubro.

Fonte: JP Notícias

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Advertisement

Você pode gostar!

Manacapuru

O corpo de uma mulher que não teve a identidade revelada, foi encontrado com marcas de tortura na tarde deste domingo (17), no bairro...

Celebridades

Isabela Brito Guerra foi acusada de se aproveitar da amizade que tinha com o casal para aplicar golpe.

Notícias

Manaus/AM – Um detento do regime semiaberto, suspeito de assalto, foi linchado na noite desta segunda-feira (11), na rua São Nicolau do bairro Colônia...

Notícias

Um vídeo que circula pelas redes sociais, mostra o momento em um suposto assaltante é espancado dentro de uma canoa e logo após é...